Projetos Concluídos

PRODUTECH-PTI: Novos Processos e Tecnologias Inovadoras para a Fileira das Tecnologias de Produção

IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO

 

Descrição e OBJETIVOS

 

 

 

 

O projeto Produtech – PTI, visa a investigação, conceção e desenvolvimento de novas tecnologias, a montante da fileira das tecnologias de produção, e processos e modelos de negócio inovadores para a fileira. Como se pode constatar na descrição detalhada de cada PPS, as atividades previstas neste Mobilizador incluem um elevado conteúdo de investigação e avanço face ao estado da arte, com vista a atingir resultados claramente avançados, que garantam a diferenciação e sustentabilidade das empresas de tecnologias de produção nacionais.

Periodo de execução:

Maio de 2011 a abril de 2014

Sistema de Incentivos à IDT: Projetos Moblizadores

Organismo Técnico:

Projeto cofinanciado por:

 

O projeto tem uma estrutura que envolve 5 Projetos Parcelares (PPSs):

  • PPS1. Novos modelos de negócio e ferramentas de suporte
  • PPS2. Ferramentas avançadas para o desenvolvimento de novos produtos, sistemas e serviços
  • PPS4. Sistemas e aplicações periféricas para robotização flexível e móvel
  • PPS5. Disseminação, coordenação e gestão

PROJETO INSERIDO NO PRODUTECH - Pólo das Tecnologias de Produção

Objetivos

  • Conceção de novos modelos de negócio, baseados em modelos de colaboração entre os produtores de tecnologia com vista à criação de sinergias e à criação de uma oferta mais completa e mais integrada, e desenvolvimento de ferramentas de suporte à sua implementação, dotando as empresas dos mecanismos adequadas para os conceber e gerir.
  • Desenvolvimento de ferramentas e metodologias avançadas para o desenvolvimento de novos produtos, sistemas e serviços com especial ênfase nas áreas do desenvolvimento de produto, conceção ecológica e ecoeficiente, modelização e simulação de sistemas de produção e conceção e implementação de equipamentos e sistemas multioperação.
  • Desenvolvimento de tecnologias, sistemas e sub-sistemas inovadores, que devidamente integrados em tecnologias e equipamentos já existentes e disponíveis comercialmente, permitirão incrementar significativamente o nível de eficiência e de eficácia das soluções robotizadas utilizadas nos sistemas de produção.

 

 

 

 

PARCEIROS

 

 

 

 

ADIRA, AZEVEDOS INDÚSTRIA, CATIM, CEI, CENI, CENTIMFE, CITEVE, EFACEC, INEGI, INESC PORTO, ISQ, INSTITUTO SUPERIOR TÉCNICO DA UNIVERSIDADE TÉCNICA DE LISBOA, SISTRADE, SOFTI9, TEGOPI, 

UNIVERSIDADE DE AVEIRO, FACULDADE DE ENGENHARIA DA UNIVERSIDADE DO PORTO, M. J. AMARAL, INSTITUTO POLITÉCNICO DE SETÚBAL.