Projetos Concluídos

 PTE - Pacto Territorial para o Emprego da Marinha Grande 

IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO

 

Atividades 

 

O Pacto Territorial para o Emprego é uma iniciativa comunitária tendente a reforçar as políticas de emprego dos Estados Membros.

Os Pactos Territoriais para o Emprego (PTE) visam a conjugação de esforços dos agentes económicos e sociais das regiões abrangidas, no sentido de dinamizar iniciativas criadoras de emprego.

Esta iniciativa comunitária envolve cerca de sessenta PTE, em quinze países, sendo que em Portugal foram implementados três Pactos Territoriais: Alentejo, Vale do Sousa e Marinha Grande.

À semelhança dos outros PTE instalados, também na Marinha Grande, o promotor líder do projeto, neste caso a Câmara Municipal da Marinha Grande, pretende, desde o início, o desenvolvimento da economia local e o alargamento da cadeia de valor associado às indústrias locais.

 

Objetivos

  • Promoção da competitividade e inovação dos setores industriais mais dinâmicos;
  • Alargamento da cadeia de valor associada às indústrias locais, nomeadamente, moldes e plásticos;
  • Reforço e valorização do potencial inovador do sistema local de inovação; 
  • Fomento da capacidade de iniciativa empresarial local; 
  • Valorização das qualificações dos recursos humanos existentes; 
  • Promoção da imagem externa do concelho, no sentido de atrair o investimento externo;
  • A concretização destes objetivos depende do sucesso na formalização das ações que integram o plano de atividades do PTE da Marinha Grande.

 

ATIVIDADES 

2. Alargamento da cadeia de valor associada às indústrias locais e reforço do patamar competitivo

  • Incubadora de Empresas: Esta medida será desenvolvida pelo Centimfe;
  • Região do Vidro da Marinha Grande, cujo parceiro líder será a Vitrocristal;
  • Criação de uma Agência de Desenvolvimento Regional, uma medida liderada pela AMAE – Associação de Municípios da Alta Estremadura;
  • Sociedade de Desenvolvimento Local, uma ação a desenvolver pela Cefamol;

3. Alargamento do Âmbito da Especialização Competitiva através da Diversificação da Atividade Económica

Dinamização do aparecimento de micro e pequenas empresas de base local, nos setores de prestação de serviços, comércio e indústria. Uma medida que está sob a responsabilidade da ACIMG – Associação Comercial e Industrial da Marinha Grande;

Rede Integrada de Ações e Organizações Desportivo-Ambientais. A ADESER – Associação para o Desenvolvimento Económico e Social da Região da Marinha Grande é o parceiro líder desta medida.

4. Garantia de coesão social/serviços de proximidade

  • Projeto Integrado de Intervenção Social, o parceiro líder é a ADESER;
  • Criação de um Centro de Apoio a Idosos necessitados de cuidados especiais. A Santa Casa da Misericórdia é o responsável pelo desenvolvimento desta ação.
  • Experiência Piloto Escola/Empresa. O parceiro é a EPAMG – Escola Profissional e Artística da Marinha Grande

5. Parque Tecnológico e de Formação Profissional

Trata-se de uma ação inovadora, que engloba as medidas atrás referidas.

A filosofia deste Parque cumpre os objetivos a que o Pacto se propõe, nomeadamente, a organização de uma forte parceria institucional local, promovendo a competitividade e a inovação dos setores mais dinâmicos da Indústria Local, assegurando, simultaneamente, a capacidade produtiva dos restantes setores.

Este Parque Tecnológico funcionará num contexto inovador de um complexo integrado e multidisciplinar, onde coabitarão no mesmo espaço, o Centro de Formação Profissional Protocolar para a Indústria do Vidro e da Cristalaria, a Escola Profissional e Artística da Marinha Grande, a Incubadora de Empresas e um Centro Empresarial.

Este Parque será construído, no decorrer de 2002, e ficará localizado na Zona Industrial do  Casal da Lebre, em terreno cedido pela Câmara Municipal da Marinha Grande.

 

Centimfe no PTE 

No âmbito do PTE, o Centimfe apresentou um projeto denominado de OPEN – Oportunidades Específicas deNegócio, cujo objetivo estratégico se enquadra na filosofia da “Incubação de Alta Qualidade”, de tecnologias, empresas e know – how, suportado e orientado por este Centro Tecnológico.

 Neste contexto, o projeto OPEN pretende dinamizar uma crescente integração industrial, através da promoção de spin-off’s, transferência tecnológica e formação especializada, em áreas tecnologicamente evoluídas e/ou específicas, que permitam incrementar a capacidade competitiva dos setores de Moldes e Plásticos.

A iniciativa OPEN será desenvolvida dentro do complexo do Parque Tecnológico e de Formação

Profissional, e terá a capacidade para desenvolver medidas de suporte e orientação, que passamos a descrever:

  • Diagnósticos e identificação de soluções que se mostrem adequadas às necessidades específicas dos Setores de Moldes e Plásticos;
  • Realização de estudos e auditorias, como ferramentas de apoio ao conhecimento do mercado e à viabilidade de negócios;
  • Apoio na realização de investimentos ou trabalhos na empresa;
  • Apoio a novas iniciativas no desenho de lay-out;
  • Dinamização e implementação de sistemas de garantia da qualidade, em todas as empresas que se venham a desenvolver no OPEN;
  • Formação em áreas de tecnologia emergente.

PARCEIROS

 

 
  • Câmara Municipal da Marinha Grande
  • CEFAMOL
  • CENTIMFE
  • AIC – Associação Industrial Cristalaria
  • ACIMG – Associação Comercial e Industrial da Marinha Grande
  • ADESER – Associação Para o Desenvolvimento Económico e Social da Região da Marinha Grande
  • EPAMG – Escola Profissional e Artística da Marinha Grande
  • Santa Casa da Misericórdia
  • Vitrocristal
  • IEFP – Instituto de Emprego e Formação Profissional
  • Escola Secundária Acácio Calazans Duarte
  • Associação de Municípios da Alta Estremadura
 

OUTROS PARCEIROS:

  • CENFIM
  • APIP
  • APD – Associação Portuguesa de Deficientes
  • APPACDM – Associação Portuguesa de Pais e Amigos das Crianças Deficientes Mentais
  • CRSS – Centro Regional da Segurança Social
  • IAPMEI
  • INFORCE – Instituto de Formação para a Competitividade Empresarial
  • NERLEI
  • Empresas Privadas
  • Instituições de Ensino e Formação
  • Sindicatos representados localmente